São Gonçalo. RJ Cel: (21) 998203382 E-mail: sinagogabeitmiklat@gmail.com

Yeshua como Ba'al Torá

ישוע כמו בעל התורה

Yeshua como Ba'al Torá


- Introdução

De todos os redentores que o povo de Israel já presenciou, o Mashiach (Messias) Yeshua foi o real Redentor. Todos os anteriores a ele (incluindo José, Moisés, Josué, Finéias, Aarão, Davi e etc.), foram sombras e reflexos da essência do lídimo Salvador: Yeshua. Como Ele mesmo proclamou: 

אַתֶּם חוֹקְרִים אֶת הַכְּתוּבִים,  כִּי חוֹשְׁבִים אַתֶּם שֶׁיֵּשׁ לָכֶם חַיֵּי עוֹלָם בָּהֶם; וְהֵם הַמְּעִידִים עָלַי



"Examinais as Escrituras, porque vós cuidais ter nelas a vida eterna, e são elas que de Mim testificam." (João 5:39)

De que forma elas testificam? Mostrando, nos seus variados textos, as "faces" do Mashiach (Messias), que é, na verdade, o conceito judaico chamado em hebraico פרצופים (partsufim); isto é, a forma como o Mashiach se revelaria ao mundo físico.

O papel realizado por Yeshua era único e exclusivamente Dele, pois Ele é o Filho de D'us em que Ele se compraz, como está escrito: 

זֶה בְּנִי אֲהוּבִי אֲשֶׁר בּוֹ חָפַצְתִּי



"Este é o Meu Filho amado, em quem Me comprazo." (Mateus 3:17)

 E outra referência: 

וַאֲנִי נָסַכְתִּי מַלְכִּי עַל־צִיּוֹן  הַר־קָדְשִׁי: אֲסַפְּרָה אֶל חֹק יְהוָה אָמַר אֵלַי בְּנִי אַתָּה אֲנִי הַיּוֹם יְלִדְתִּיךָ

 "Eu tenho estabelecido o Meu Rei sobre Sião, Meu santo monte. Falarei do decreto do Eterno; Ele me disse: Tu és Meu Filho, hoje te gerei." (Salmos 2:6-7)

 Portanto, a essência de ser Filho de Deus não é compartilhada com nenhum outro anjo, e muito menos outro homem.

Yeshua é o "Filho, a quem [D'us] constituiu herdeiro de todas as coisas, e por quem fez também o mundo; sendo ele o resplendor da Sua glória e a expressa imagem do Seu Ser, e sustentando todas as coisas pela palavra do Seu poder, havendo Ele mesmo feito a purificação dos pecados, assentou-se à direita da Majestade nas alturas." (Hebreus 1:2-3)

Porém, o que enxergamos claramente na Brit Chadashá (Novo Testamento), vemos como que sombras magníficas no Tanach (Antigo Testamento) ao vermos o nome de Yeshua codificado em Provérbios 30,4 (leia os versos anteriores):
ומה שם בנו כי תדע

 "... e qual é o nome do Seu filho? Certamente o sabes!"

 (AS LETRAS EM VERMELHO FORMAM O NOME DE YESHUA!)

Em outras palavras, Yeshua é o nome do Seu Filho! 

Outro ponto:

Aprendemos do Peri Ets Chaim (Sha'ar HaTefilin 15:6):

כי הבינה היא אותיות בן יה

 "Pois o entendimento (Biná) é equivalente à sua permutação: Ben Yá (Filho de D'us)."

 Ou seja, a expressão absoluta do Entendimento é condensada na figura de Yeshua, o Filho de D'us. Vemos isso na Brit Chadashá (Novo Testamento): 

ולכל עשר דעת נכונה להשכיל סוד האלהים, המשיח, אשר צפונים בו כל אצרות החכמה והדעת׃ 

 "...enriquecidos da plenitude do entendimento para o pleno conhecimento do mistério de Deus: Mashiach, em quem estão escondidos todos os tesouros da sabedoria e do conhecimento." (Colossenses 2:2-3)

Isto é, Yeshua é o repositório de toda a sabedoria e ciência, já que Ele mesmo é a Palavra do Eterno, a qual demonstra toda a vontade de D'us concernente à história humana (vide Amós 3:7).
Por isso, é-lhe muito devida a exímia declaração de Salomão sobre a Sabedoria (que aprendemos ser uma das “faces” de Yeshua):


יְֽהוָ֗ה קָ֭נָנִי רֵאשִׁ֣ית דַּרְכּ֑וֹ קֶ֖דֶם מִפְעָלָ֣יו מֵאָֽז׃




מֵ֭עוֹלָם נִסַּ֥כְתִּי מֵרֹ֗אשׁ מִקַּדְמֵי־אָֽרֶץ׃




בְּאֵין־תְּהֹמ֥וֹת חוֹלָ֑לְתִּי בְּאֵ֥ין מַ֝עְיָנ֗וֹת נִכְבַּדֵּי־מָֽיִם׃


בְּטֶ֣רֶם הָרִ֣ים הָטְבָּ֑עוּ לִפְנֵ֖י גְבָע֣וֹת חוֹלָֽלְתִּי׃

עַד־לֹ֣א עָ֭שָׂה אֶ֣רֶץ וְחוּצ֑וֹת וְ֝רֹ֗אשׁ עָפְר֥וֹת תֵּבֵֽל׃

בַּהֲכִינ֣וֹ שָׁ֭מַיִם שָׁ֣ם אָ֑נִי בְּח֥וּקוֹ ח֝֗וּג עַל־פְּנֵ֥י תְהֽוֹם׃

בְּאַמְּצ֣וֹ שְׁחָקִ֣ים מִמָּ֑עַל בַּ֝עֲז֗וֹז עִינ֥וֹת תְּהוֹם׃

בְּשׂ֘וּמ֤וֹ לַיָּ֨ם ׀ חֻקּ֗וֹ וּ֭מַיִם לֹ֣א יַֽעַבְרוּ־פִ֑יו בְּ֝חוּק֗וֹ מ֣וֹסְדֵי אָֽרֶץ׃

וָֽאֶהְיֶ֥ה אֶצְל֗וֹ אָ֫מ֥וֹן וָֽאֶהְיֶ֣ה שַׁ֭עֲשֻׁעִים י֤וֹם ׀ י֑וֹם מְשַׂחֶ֖קֶת לְפָנָ֣יו בְּכָל־עֵֽת׃

O Eterno me criou como a primeira das obras, o princípio dos seus feitos mais antigos. Desde a eternidade fui constituída, desde o princípio, antes de existir a terra. Antes de haver fontes cheias d’água. Antes que os montes fossem firmados, antes dos outeiros eu nasci, quando Ele ainda não tinha feito a terra com seus campos, nem sequer o princípio do pó do mundo. Quando Ele preparava os céus, aí estava Eu; quando traçava um círculo sobre a face do abismo, quando estabelecia o firmamento em cima, quando se firmavam as fontes do abismo, quando Ele fixava ao mar o seu termo, para que as águas não traspassassem o Seu mando, quando traçava os fundamentos da terra, então eu estava ao Seu lado como arquiteto; e era cada dia as suas delícias, alegrando-me perante Ele em todo o tempo...” (Provérbios 8:22-30)

 Em resumo, Yeshua, Nosso Senhor, é único em toda a criação de D’us, sendo Ele o possuidor de todo o conhecimento, inclusive da Torá! E esse será o assunto que estaremos abordando nesse shiúr (estudo), com a graça de D'us! 

 - Yeshua é o Ba'al Torá 


Em muitos lugares da literatura rabínica, vê-se notadamente uma grande comparação entre Moisés e o Messias. E em um de tais lugares, lemos: 

משה הוא גואל הראשון והוא גואל האחרון

 "Moshé é o primeiro e o último redentor." (Shemot Rabá 2:4)

 Mas como pode Moshé ser o último redentor (Mashiach), se Moshé é da tribo de Levi, e o Mashiach da tribo de Judá? Do que o Midrash está falando?

O Midrash está nos ensinando que o Mashiach terá as mesmas características de Moshé Rabênu (Moisés, nosso mestre). Porque Moshé assim proclamou: 

נביא מקרבך מאחיך כמני יקים לך יהוה אלהיך אליו תשמעון׃

 "O Eterno D'us levantará do meio de seus próprios irmãos um profeta como eu; ouçam-no!" (Deuteronômio 18:15)

 E de forma mais impactante, lemos um verso-chave do Novo Testamento:

 Aquele que vem de cima é sobre todos; aquele que vem da terra é da terra, e fala da terra. Aquele que vem dos céus é sobre todos.” (João 3:31)

 Aqui, João Batista refere-se a Yeshua como sendo maior e mais elevado que qualquer homem nascido de um ventre materno, posto que Sua raiz espiritual é a mais elevada.

Os sábios do Midrash ao perceberem o elevado grau de exaltação do Messias, não negaram e afirmaram: 

משיח בן דוד... הוא... ירום מאברהם ונשא מיצחק וגבה מיעקב... ונשא ממשה... וגבה כמלאכי השרת:

 “Mashiach ben David (O Messias, filho de David) é mais exaltado que Avraham (Abraão), mais elevado que Yitschak (Isaque), maior que Yaakov (Jacó), mais elevado que Moshé (Moisés), e maior que os Anjos Ministros.” (Midrash Tanchumá 1:6:14)

 Ou seja, vemos que o Messias é maior que os próprios patriarcas de Israel! E não somente terá as características de Moshé (como vimos acima), mas será maior que ele!

 E desse exato ponto, surge um dos maiores atributos do Messias Yeshua, não obstante ser um atributo pouco estudado!

 Um dos principais atributos do Mashiach (Messias) é que Ele será o verdadeiro Ba'al Torá, ou em português, o legítimo proprietário da Torá. Os Sábios declaram:

תורה שאדם לומד בעולם הזה, הבל היא לפני תורתו של משיח

 "A Torá que o homem estuda neste mundo é vã (hével) quando comparada à Torá do Mashiach." (Kohelet Rabá 11:8)

Para entendermos essa declaração sobre a Torá do Mashiach, é importante compreendermos o significado da palavra "hével", ou "vaneidade" nessa referência.

 Em Kohelet Rabá, Rabi Chezkiá em nome de Rabi Shimon Bar Yochai explica que a Torá dos homens é chamada "hével - vaneidade", porque ela não é eterna. Porém, no Mundo Vidouro, a Torá estará no interior do coração de Israel, e eles nunca mais a esquecerão. Com isso, ela não será mais "hével", pois a "nova" Torá tornar-se-á eterna, como o Midrash Kohelet Rabá explica em conexão com Jeremias 31.

 Os Sábios continuam e declaram que a tranquilidade que o homem experimenta neste mundo é hével (vã) em comparação com a tranquilidade do Mundo Vindouro. Toda a Torá que o homem aprende neste Mundo é vã comparada com a Torá do Mundo Vindouro, pois neste Mundo o homem estuda e esquece, mas a Torá do Mashiach nunca será esquecida.

 Os Sábios pontuam que o Mashiach trará a eterna Torá que nunca será esquecida pelas pessoas, diferente da Torá que temos hoje.

 Rabi Yehoshua Weitzman, Rosh Yeshivá (Chefe da Escola Rabínica) Ma'alot Yaakov, acrescenta outra explanação (vide Rabbi Yehoshua Weitzman - Yeshivat Ma'alot Yaakov: Rabbah Emunatecha):

 "Qual a diferença entre nossa Torá atual e a Torá do Mashiach? Apenas o 'esquecimento' não é a razão de tal diferença, mas sim, um sinal dela. A Torá deste Mundo está 'vestida' com assuntos concernentes a este Mundo, contudo, a Torá do Mashiach é preenchida das ideias e conceitos celestiais."

 Rabi Weitzman conclui:

 "Então qual é o valor da Torá que estudamos hoje? Já que é considerada 'vaneidade', é reduzida sua importância? Esse não é o caso. Nossos Sábios explicam-nos que nós nos assemelhamos a um bebê que estuda a Torá no ventre de sua mãe, e quando ele nasce, ele a esquece (Nidá 30b). O valor da primeira Torá foi perdido? Ainda há grande valor sobre a primeira Torá! Quando nós (o recém-nascido) identificamos a Nova Torá, ela não será nova aos nossos olhos, pois nos recordaremos das palavras maternas e tais palavras farão parte do nosso mundo, assim como era antes. Nossa responsabilidade neste mundo é estudar a Torá de tal forma que estaremos preparados para receber a Torá do Mashiach!"

 E, juntamente a isso, lemos as palavras do Talmud sobre o senhorio do Mashiach sobre a Torá:


כתיב (ישעיהו כד, כג) וחפרה הלבנה ובושה החמה כי מלך ה' צבאות וכתיב (ישעיהו ל, כו) והיה אור הלבנה כאור החמה ואור החמה יהיה שבעתים כאור שבעת הימים: לא קשיא כאן לימות המשיח כאן לעוה"ב 

 "Está escrito, 'a lua se confundirá, e o sol se envergonhará, pois o Eterno dos exércitos reinará'; em contrapartida, está escrito, 'a luz da lua será como a luz do sol, e a luz do sol sete vezes maior, como a luz de sete dias'. Não há dificuldade: o último [verso] refere-se à era messiânica..." (Sanhedrin 91b)

 Ou seja, o Sol e a Lua (a Torá desse mundo) ficarão envergonhados frente ao esplendoroso brilho do Justo Mashiach (trazendo a verdadeira Torá). Portanto, vemos os próprios rabinos entendendo que o Messias trará uma nova realidade, sendo o autêntico Ba'al Torá.

E mais outra enfática referência, de Rabi HaGaon Zalman Baruch (em Rabbi Hagaon Zalman Baruch, "Mamad Har Sinai and the Torah of Messiah"): 

קבלנו היום מחדש את הברית, שכרת הקב"ה בהר סיני, ואנחנו נכונים לקראת התחדשות האור הגדול, התחדשות הגאולה, ומצפים שתהיה בקרוב בימינו:

 "Nós receberemos a aliança renovada que o Santo, bendito seja, fez conosco no Monte Sinai; e assim, estaremos prontos a caminhar para a renovação da grande Luz, a renovação da Redenção... E esperamos que seja breve em nossos dias."

De fato, vemos na Brit Chadashá uma passagem formidável em Hebreus 3,5:

"Porquanto, toda casa é construída por alguém; no entanto, D'us é o supremo construtor de tudo. Moisés foi leal como servo em toda a casa de D'us, dando testemunho do que haveria de ser revelado no futuro; O Messias, no entanto, é fiel como Filho sobre a casa de D'us."

Ou seja, vemos aqui que Moisés foi fiel em toda a casa de D'us, não obstante como servo o fez. Em contrapartida, Yeshua é o Filho do Dono da Casa, isto é, o herdeiro do Dono da Casa. O que faz de Yeshua o verdadeiro proprietário da Torá, enquanto Moisés foi aquele que "apenas" entregou ao povo de Israel.

Com esses textos percebemos, portanto, quão elevada é a posição do Messias Yeshua como sendo Aquele que possui a própria Torá, isto é, todas as suas verdadeiras interpretações estão com Ele, e somente, com Ele; pois assim o próprio D'us o quer engrandecer acima de todos, como está escrito:


על כן גם האלהים הגביהו מאד ויתן לו שם נעלה על כל שם׃

"Por isso, também D'us O exaltou soberanamente, e Lhe deu um Nome que é sobre todo o nome." (Filipenses 2:9)

Amén! Que assim seja!

.............................................. Shemuel ben Avraham


Share:

2 comentários:

  1. שברכה גדולה...! י
    ישוע שלנו הוא באמת המשיח של ישראל והוא כל כך גבוה כשמיים..! מפני שנתן לו אלהינו אבינו..ה' צבאות הכל יכול. י
    ישוע המשיח זהו חשוב מאוד מאוד לנו.
    מושיענו..גואלנו..אדוננו ורבן גאון שלנו.

    ResponderExcluir
  2. Que grande benção..!
    Nosso Yeshua é realmente o Messias de Israel e é tão alto como os céus..!
    Porque nosso Deus, nosso Pai, Adonay dos exércitos lhe deu todo o poder.
    Yeshua o Messias é muitíssimo importante para nós. Nosso Salvador..nosso Redentor..nosso Senhor e nosso grande e excelente Mestre.

    ResponderExcluir

Ultimos Estudos

TSEDACÁ - Um conceito judaico ...

TSEDACÁ - Um conceito judaico - צדקה                 Desde a época do Beit hamikdásh -Templo Sagrado, era visível para os judeus que ...

Curso Zayt - קורס זית

Curso Zayt  - קורס זית
Aprenda Hebraico conosco!

"Honra teu pai e tua mãe."

"Honra teu pai e tua mãe."

Postagens

Seguidores

Total de visualizações

Arquivo do blog

Assista ao Serviço

"Se eu esquecer de ti, ó Jerusalém..."

"Se eu esquecer de ti, ó Jerusalém..."

Refutação ao video - Ieshua NÃO É o Mashiach!

Refutação aos inimigos de Yeshua

Parashá - פרשה

שיעור - Sukót e suas riquezas...

Mensagem - דברי תנ"ך

Rosh Luciano/Mensagem ... דברי תנ"ך

Ele Vive..!!! הוא חי

Ele Vive..!!!   הוא חי
Yeshua o Messias ressuscitou!

Memórias ... זכרונות

אם אין אני לי מי לי
וכשאני לעצמי מה אני
ואם לא עכשו אימתי ... י

"Se eu não for por mim, quem será por mim?
Se eu for só por mim, o que sou eu?
E se não for agora, então quando?
Rabi Hilel - Pirkê Avot 1:14.

Sempre elevados na Tefilá-oração ...

Sempre elevados na Tefilá-oração ...
"Por essa razão, desde o dia em que o ouvimos, não deixamos de orar por vocês e de pedir que sejam cheios do pleno conhecimento da vontade de Deus, com toda a sabedoria e entendimento espiritual." (Colossenses 1:9)